CAMPEONATO BRASILEIRO Ceará Fortaleza

Robinson de Castro e Marcelo Paz reúnem-se com Bolsonaro para tratar sobre nova MP

Foto: Reprodução

Clubes mostraram apoio a MP

Na tarde desta terça-feira, 30, Robinson de Castro, presidente do Ceará Sporting Club e Marcelo Paz, presidente do Fortaleza Esporte Clube, estiveram no Palácio do Planalto, em Brasília, junto aos presidentes de Athletico Paranaense, Bahia, Coritiba, Internacional, Palmeiras e Santos, além do Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro.

Foto: Reprodução
Anúncios

A reunião foi para tratar sobre a nova Medida Provisória n° 984/2020, assinada por Jair Bolsonaro, que permite aos clubes mandantes negociarem seus direitos de transmissões.

Os oito clubes que têm contrato com a empresa americana Turner, declararam apoio à MP, além de mostrar-se favorável a outras medidas que tramitam no Congresso Nacional, como o modelo de clube-empresa.

Anúncios

Imbróglio entre clubes e Turner

Nesta terça-feira, 30, era o último dia imposto pela empresa americana Turner, detentora dos direitos de transmissões dos oito clubes citados acima até 2024, para entrarem em um acordo sem haver necessidade de levar à justiça.

Na última sexta-feira, 26, o Portal Futebol Cearense noticiou o imbróglio entre a emissora e os clubes. A empresa alega que as agremiações descumpriram várias cláusulas contratuais, como terem dado permissão para a Globo transmitirem jogos para a mesma cidade onde eles foram realizados. Outra alegação citada pela programadora foi a quebra de confidencialidade do contrato para a imprensa.

Já pelo lado dos clubes, o entendimento é que a Turner quer a rescisão do contrato sem o pagamento da multa, que gira em torno de R$ 2,1 bilhões no total, cerca de R$ 287 milhões para cada uma das oito agremiações. Além disso, o fato do Palmeiras ter recebido R$ 100 milhões de luvas, sendo 60 milhões a mais que os outros, serviu de base para os clubes comprarem de vez a briga com a empresa norte-americana.

Anúncios

Deixe uma resposta