Mudança no futebol chinês pode movimentar mercado alencarino

O leão ainda busca atacante de ponta

Na noite de quinta-feira, 4, o jornalista Heverton Guimarães, da Band MG, publicou em seu twitter que devido a pandemia do novo coronavírus, atletas estrangeiros não poderiam retornar a China em 2020. Heverton cita, por exemplo, a situação do atacante Roger Guedes, que ficará no Brasil até dezembro e deve ser emprestado para algum time brasileiro.

Já na manhã desta sexta-feira, 5, o também jornalista Jorge Nicola, da ESPN Brasil, publicou um vídeo em seu canal no YouTube falando um pouco mais sobre a informação divulgada por Heverton Guimarães. Segundo Nicola, o empresário Paulo Pitombera confirmou a informação. Já o ex-zagueiro e agora também empresário Scheidt, disse que o veto sobre o retorno de jogadores estrangeiros é uma possibilidade, mas que ainda faltava o aval do Governo Chinês.

Desde o dia 26 de março, o Ministério das Relações Internacionais da China anunciou a suspensão temporária da entrada de pessoas estrangeiras em território Chinês para tentar conter a proliferação do novo coronavírus. O país foi o primeiro a ser contaminado pelo vírus e agora tenta combater novos picos da doença.

Em conversa com Daniel de Paula, Diretor de Futebol do Fortaleza, a equipe do Futebol Cearense apurou que o clube vai avaliar as mudanças das datas nas janelas de transferência. O leão ainda busca atacante de ponta para o elenco e não esconde o desejo de contar com Edinho, do Atlético Mineiro.

Outro xodó da torcida, o atacante Marcinho, que pertence ao Chongqing Dangdai Lifan, da China, passa sua quarentena no Brasil. Se o veto de jogadores estrangeiros na China for confirmada, o jogador de 25 anos ganha possibilidades de ser emprestado para o futebol brasileiro. Recentemente, Marcinho teve seu nome especulado nos dois maiores clubes do estado: Ceará e Fortaleza.

Até o momento, as duas diretorias não confirmam novas negociações pelo atacante, mas a mudança no futebol chinês pode voltar a movimentar o mercado alencarino.

Um comentário sobre “Mudança no futebol chinês pode movimentar mercado alencarino

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s